Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
O Inverno Chegou...

24 de jun de 2012

A CANETA MÁGICA



Dona Vitória a professora da 4º classe A, ganhou dos seus colegas, uma caneta muito grande, que eles diziam ser mágica.

No dia em que recebeu o presente, ela teve a maior dificuldade em levá-la até a sua sala pois era realmente uma caneta fora do comum.

Colocou-a sobre a sua mesa de trabalho,com muito esforço, e saiu para telefonar à sua mãe para que fosse buscá-la de carro, explicando-lhe sobre o presente que recebera.

Enquanto ela saiu para telefonar, alguns garotos entraram na sala e viram aquela "canetona"...imensa...e falaram  todos ao mesmo tempo:

_ Xiiiiiiiiii...que canetão!

Dois deles ,Ivo e Luís, resolveram pegá-la para escrever, seguraram com cuidado sobre a folha do papel e,sem que fizessem nenhum movimento, surgiu no papel:

: Que caneta maluca!

_ Ué, nem escrevemos e surgiu isto? falaram os garotos.

- Ja sei o que é, falou Ivo o mais esperto dos dois.Ela lê o nosso pensamento e escreve, quando nós tocamos nela.

Chamaram outro coleguinha, o Ronaldinho e pediram que ele segurasse a caneta e esperasse um pouco.

Devagarinho a caneta foi se movimentando e escreveu: 

: Este Jair é mesmo um bobão!

_ É isso que você pensa de mim, Ronaldinho? perguntou Jair, bastante irritado.
-Esta caneta é mentirosa, falou Ronaldinho. Eu não estava pensando em nada.
Quando a professora retornou , ralhou com as garotos pedindo que voltassem às suas salas de aula e pegou a caneta com a ajuda da sua mãe, levando-a para casa.

Já em casa a caneta foi guardada em um armário trancado à chave que  foi escondida pela professora Vitória.

Os alunos ficaram tristes quando souberam que a caneta não estava mais no colégio pois desejavam descobrir o pensamento de muitos e muitos colegas.

Dona Vitória esqueceu-se da caneta dentro do armário e um belo dia quando ela  se lembrou , foi ver como estava, encontrando-a do tamanho de uma caneta normal . 

_ Ué! como foi que ela encolheu? perguntou a si mesma mas não obteve resposta.

O que dona Vitória não sabia é que os poderes mágicos da caneta se acabaram porque ela deixou de ser usada por muito tempo, e nunca mais voltariam.

Assim, ela passou a usar o presente e ninguém notou que aquela era a caneta enorme que havia se tornado normal. Nem mesmo os colegas que deram o presente foram capazes de notar.
Enquanto alguns alunos ainda sonhavam em encontrar a caneta mágica, dona Vitória, na sua casa, escrevia com ela, lindas historinhas e poemas para as crianças.

bjs,soninha
Postar um comentário

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!