Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
O Inverno Chegou...

17 de fev de 2013

Cuidados com a saúde das crianças no tempo seco


A baixa umidade do ar traz uma série de desconfortos para as crianças e adultos. Veja como amenizá-los, O tempo está seco na sua cidade? Saiba que o impacto desse clima atinge a saúde de crianças e adultos. Entre os sintomas estão ardência e ressecamento dos olhos, boca e nariz e, principalmente, doenças respiratórias - o que se agrava ainda mais se a criança é alérgica.  


“Atualmente, uma em cada cinco crianças têm algum tipo de alergia, e, quando o tempo fica seco, as alérgicas, que têm rinite ou asma, por exemplo, são as que mais sofrem com os desconfortos respiratórios”, diz o pediatra Cid Pinheiro, do Hospital São Luiz (SP). Tosse, coceira no nariz (em crianças menores pode até ocorrer casos de sangramento nasal), espirros, garganta seca e falta de ar são as manifestações respiratórias mais comuns", diz.

Nas grandes cidades, a situação se complica ainda mais. Isso porque mais partículas de diversos tipos ficam no ar e são inaladas, como os ácaros, o enxofre que sai do escapamento de veículos, poeira e restos de materiais queimados.


O que fazer? 
Para evitar ou minimizar esses problemas, é preciso alguns cuidados. Em primeiro lugar, fique atenta com a hidratação das crianças. É fundamental oferecer bastante líquido. Água, sucos, água de coco e chás são boas opções. 


Mas alguns alimentos são também importantes. De acordo com Milton Mizumoto, nutrólogo da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN), frutas ricas em líquidos, como melão e melancia, devem fazer parte do cardápio. Laranjas e outras que têm vitamina C são aliadas para reduzir as crises de rinite, mais frequentes com a baixa umidade. 


Alguns alimentos, no entanto, devem ficar longe do cardápio de filhos e pais, caso das frituras e industrializados. Abuse dos legumes e verduras no preparo da comida das crianças. Se o bebê mama apenas no peito, convém oferecê-lo mais vezes.



Autora:Ana Paula Pontes

beijinhos saudáveis...


Postar um comentário

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!