Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
O Inverno Chegou...

24 de jan de 2011

O Toque de Ouro

 
O TOQUE DE OURO 


Era uma vez um rei muito rico, chamado Midas. Tinha mais ouro do que qualquer outro no mundo inteiro. Mas ainda assim não estava satisfeito.

Passava os dias contando suas moedas de ouro, milhões delas. Desejava que a sua filha fosse a princesa mais rica do mundo.

No entanto, ela nem se importava com isso. Adorava sim o seu jardim, as suas rosas, as flores todas, o sol, a fonte.

Ficava sozinha a maior parte do tempo, porque o rei só tinha tempo para contar moedas.

Certo dia, em que estava perdido em meio aos montes de moedas de ouro, um estranho apareceu. O rei se assustou. Será que o seu palácio não era suficientemente seguro? Como podia alguém entrar, sem ser anunciado por seus criados?

O homem perguntou ao rei se ele gostaria de ter ainda mais ouro, ao que ele respondeu que ficava acordado, muitas noites, pensando em como poderia transformar tudo em ouro. Ouro!

“Pois então”, falou o estranho, “amanhã de manhã, quando os primeiros raios do sol entrarem no quarto, Vossa Alteza terá o toque de ouro.”




E desapareceu. O rei foi dormir, pensando que tudo era produto da sua imaginação. No dia seguinte, quando despertou, tocou a coberta. Nada aconteceu. Então, era tudo um sonho mesmo.

Naquele momento, contudo, os primeiros raios do sol entraram pela janela, as cobertas onde estava encostada a sua mão, se transformaram em ouro. Maravilha!

Ele tocou a cadeira, o manto real, os chinelos, os móveis. Tudo virou ouro.

Quando lhe trouxeram o café da manhã, o pêssego madurinho virou ouro, o copo com água, a torrada. Tudo!

Aí começou a ficar triste. Ele estava com fome, com sede e não podia comer, nem beber. O que tocava, virava ouro.




Sua filha chegou nesse momento. Vendo o pai triste se aproximou e lhe deu um abraço. Ele a beijou e... ela virou ouro.

O rei ficou desesperado. Começou a chorar e a dizer que faria qualquer coisa para ter sua filha de volta.

Foi então que o estranho apareceu de novo e lhe perguntou se ele estava feliz. Tudo virava ouro.

Mas o rei disse que desistia de todo o ouro. Queria sua filha amada de volta.




“Vossa Alteza demonstra agora mais sabedoria do que antes.” - falou o homem. E ensinou ao rei para que se banhasse nas águas do regato e depois borrifasse um pouco d'agua sobre tudo que quisesse fazer voltar ao normal.

Depois disso, o Rei Midas nunca mais se preocupou com ouro algum.


(Adaptação de texto de autor desconhecido)

bjs,soninha


Postar um comentário

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!