Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
O Inverno Chegou...

1 de jan de 2011

O SORRISO DO MENINO




Estava ficando noite. O sol se escondeu e começou a fazer frio.

O jumento que vinha pela estrada, com uma jovem no lombo, estava com o pelo todo arrepiado pelo frio. Ele estava com fome e cansado.

Animou-se quando ouviu o jovem casal falar que estavam próximos a uma estrebaria e descansariam. Logo chegaram e uma vaquinha, que ali estava, ouvindo vozes, acordou.

Soltou um mugido de boas-vindas para o jumento e o convidou a comer um pouco de feno.O homem, que se chamava José, ajudou a esposa Maria tirar as sandálias, afofou um pouco de feno, estendeu sobre ele sua capa e disse para ela descansar.

Ela ia ter um filho.



No céu, ainda bem escuro, apareceu uma estrela muito brilhante. Vozes se ouviram: “Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade.”

Um chorinho de criança encheu a estrebaria. Maria deitou o filhinho recém-nascido, entre as palhas.

Um pouco depois, a porta abriu e um pastorzinho de seus dez anos de idade apareceu.

Ele vira a estrela e viera ver o menino. Chegou pertinho do bebê e o achou menor do que uma ovelhinha quando nasce.

Logo, se dispôs a ir chamar os seus irmãos que estavam no campo, guardando as ovelhas.
Saiu e pela porta entreaberta, entrou a luz da estrela, iluminando tudo.

Pouco depois, ele voltou:

“Sabe, senhora, meus irmãos já vêm. Mas eu pensei que a senhora iria gostar de tomar um pouco de leite. Trouxe este que tirei de minha ovelha mais forte. Ainda está quentinho.”

Maria recebeu a tigela e bebeu o leite morno, gostoso.

O pastorzinho foi olhar outra vez o bebê que ele achara tão lindo. Puxou um pouco da palha para cobrir os pezinhos e alegre, falou:

“Veja, senhora, seu filhinho sorriu. Sorriu para mim.”





Adaptação do livro O primeiro sorriso de Jesus, de autoria de Odette de Barros Mott, Edições Paulinas, 1986.


bjs,soninha



Postar um comentário

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!