Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
O Inverno Chegou...

17 de out de 2013

O Pequeno Cientista


Lulinha , um menino muito inteligente e preocupado com a sua mãezinha por ela trabalhar demais, imaginava-se um grande cientista. 

O garoto ficava horas pensando como ele poderia inventar algo que pudesse diminuir a quantidade de trabalho que a sua mãe realizava todos os dias.

O seu pai havia se transformado em uma *estrelinha* quando ele ainda era bem pequenininho ficando apenas ele e a sua querida mãezinha.

Lulinha então teve uma ideia: 
- Vou inventar um robô que faça tudo em nossa casa e quando a mamãe chegar cansada terá tempo para descansar.

Lulinha não perdeu tempo. Começou a juntar tudo que ele encontrava nos recicláveis, que pudessem ser utilizados na sua *engenhoca*.

Cutuca daqui, coloca parafuso ali, mexe de lá, e não é que Lulinha conseguiu fazer o robô?!

Depois de alguns arranjos eis que o robô ao qual ele deu o nome de "Pandora", estava prontinho para começar a realizar o sonho do menino.

Na manhã seguinte, quando a sua mãezinha saiu para faxinar as casas de dona Júlia e dona Ivete, o menino pegou o "Pandora" que estava escondido dentro do seu armário e colocou em funcionamento.

Inicialmente "Pandora" aceitou os comandos que o garoto lhe colocou mas....depois de alguns minutos o robô enlouqueceu totalmente, jogando pratos para cima, a sorte que eram de plástico e não quebraram; na cozinha ele misturou o sal com a farinha, quase explodiu o fogão, correndo para o quintal onde puxou toda a roupa que estava no varal jogando-a no chão, pisoteando-a muitas e muitas vezes. 

Vendo aquele "terrorismo" o garoto jogou um balde de água fria  em "Pandora", ocorrendo um circuito que o fez parar para sempre.

Triste, Lulinha teve que arrumar toda a bagunça deixada pelo robô, e ainda inventar desculpas para o sal misturado à farinha e a roupa pisoteada, para contar a sua mãe .

Depois de conseguir convencer a sua mãe com as suas "desculpas esfarrapadas", pra não dizer "mentirinhas", o garoto teve então a mais brilhante ideia da sua vida: a partir daquele dia ele mesmo iria fazer o trabalho de casa, ajudaria a sua mãezinha e ela poderia descansar.

Lulinha colocou em prática a sua "brilhante ideia" deixando a sua mãezinha muito, muito feliz!

É isso aí galerinha, nós sempre podemos fazer alguma coisinha para alegrar a "Rainha do Lar" não é mesmo?!

*soninha*

beijinhos de alegria
Postar um comentário

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!