Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
São João está chegando...

29 de out de 2015

A Fadinha Pérola



Era ima vez, um lindo reino que se chamava Reino Encantado das Fadinhas, enfeitado por muitos rios e lindos mares onde elas costumavam banhar-se e se encantavam com as suas imagens refletidas nas águas cristalinas.

Eram muitos e muitos rios onde nadavam lindos peixinhos coloridos, lagos onde os patinhos passeavam e se divertiam com as maravilhosas borboletas sobrevoando as suas cabecinhas, riachos que corriam por entre árvores e belas cachoeiras caindo lá do alto como se fossem grandes cabeleiras.

Mares e oceanos esplêndidos guardando nas suas profundezas os mais valiosos tesouros da Natureza. 

No meio de tantos tesouros havia um que era muito desejado por todos que sabiam da sua existência; a valiosa Pérola Rosa!

Comentava-se por todo o Reino, que havia uma pérola perfeita, cor-de-rosa,a mais valiosa do mundo, escondida dentro de uma ostra num local onde ninguém poderia chegar, bem lá no local mais profundo do Mar Sereno.

A curiosidade passeava pela cabecinha dos moradores e eles fantasiavam sonhando com a pérola que nunca viram e nem mesmo sabiam se era verdade ou lenda.

Numa bela noite de lua cheia quando algumas fadinhas passeavam pela praia desfrutando da brisa e daquele cheirinho gostoso do mar, uma suave figura saiu de mansinho de dentro das águas caminhando na direção delas.

Assustada com aquela aparição elas se calaram permanecendo quietinhas esperando para ver o que iria acontecer...

Bem devagarinho, como se flutuasse, a pessoinha foi se aproximando do grupo de fadinhas e, quanto mais se aproximavam mais elas percebiam as suas formas iguais às delas deixando-as meio assustadas e meio confiantes...

- É uma fadinha igual a nós! 
gritaram todas de uma só vez.

_ Sim, sou mesmo uma fadinha igual a vocês, não tenham receio de mim pois não farei mal algum a vocês.

- Como você saiu das águas? 
Onde você estava? 
Como é o seu nome?
- Onde você mora?

Eram muitas perguntas ao mesmo tempo, todas estavam curiosas para saber mais daquela pessoinha saída do mar..

_ Bem, disse a pessoinha, o meu nome é Pérola e eu estive muito tempo passando por um encantamento no fundo do Mar Sereno.

- Ah! Então é verdade? 
Você é a pérola rosa?

_ Sim! sou eu mesma, falou Pérola Rosa. 
Fui encantada por uma bruxa muito má que me transformou 
numa pérola e me isolou no fundo do mar dentro de uma ostra.


- E como você conseguiu sair de lá? 
perguntaram curiosas.

_ Foi o desejo de vocês! Vocês falavam tanto em mim,Todos me desejaram tanto durante dias e noites que o desejo de vocês se transformou numa força de luz que me trouxe até aqui.

- Que história linda! falaram as fadinhas. 
E você vai morar conosco?

_ Claro! disse a Fadinha Pérola, afinal de contas aqui é o Reino Encantado das Fadinhas, não é mesmo?

- Sim, sim...é sim, e se não fosse nós daríamos um jeitinho ...responderam com uma risadinha brilhando nos seus lindos rostinhos.

Aquela pérola valiosa escondida lá no fundo do mar que na verdade era a Fadinha Pérola, passou a morar naquele Reino lindo onde todos viviam para a prática do Amor.

A Fadinha Pérola nos ensinou que, se desejarmos algo com todo o nosso coração, nós conseguimos realizar nosso desejo e por isto mesmo devemos sonhar e desejar coisas boas para nós e para todos que amamos.

*soninha*

beijinhos de alegria!!

28 de out de 2015

Brigadeiro com Uvas


Ingredientes

. 1 colher (sopa) de manteiga sem sal 
. 1 lata de leite condensado 
. 3 colheres (sopa) de chocolate em pó 
. 25 uvas-itália ou thompson verde

Cobertura
. Chocolate granulado chumbinho

Modo de preparo

- Numa panela média, coloque a manteiga, o leite condensado e o chocolate em pó. 
- Leve ao fogo mexendo até ferver. 
- Reduza a chama e cozinhe, mexendo até soltar do fundo da panela. 
- Passe para um prato untado com manteiga e deixe esfriar. 
- Pegue porções da massa e abra entre as mãos. 
- Recheie com uma uva e enrole, respeitando o formato da fruta. 
- Passe no chocolate e coloque em forminhas de papel para servir.

Orando a Jesus!


Papai do Céu, nós sabemos que o Senhor ama a todos nós da mesma maneira e que o seu filho Jesus pediu para a gente orar e ter paciência porque tudo tem a sua hora certa.

Mas a coisa tá feia por aqui, tem muita gente em guerra, muitos fogem desejando encontrar um lugar mais calmo pra viver e às vezes nem conseguem.

Já vi na TV o povo grande falando das crianças afogadas, dos velhinhos iguais meus avós, andando, andando, andando, cansadinhos, com fome....tadinhos, 
Papai do Céu, tem dó deles.

E agora tem as cercas né Papai do Céu? 
O povo que está sem guerra não quer estas visitas e eu não entendo porquê? 
Por que será hein Jesus? 
Se eu tivesse uma casa bem grandona, um casarãozão, com bastante comida, colchão e cobertores eu receberia todos eles Jesus, eu juro que eu receberia só pra ver o sorriso deles.

Ah! E eu iria dar muito amor também, pra todos eles!!

Olha por eles viu Jesus?! 
Olha por eles!!

*soninha*

beijinhos de paz!

As Aventuras da Lagartixa Felizberta: Mergulho no Leite



Felizberta era, sem dúvida alguma, uma lagartixa muito especial. 

O seu nome havia sido escolhido por sua mãe que falou para ela:
~Eu escolhi esse nome pra você minha filha, porque desejo que você seja muito "feliz"!

Mas a lagartixinha retrucou:
- Mamãe, então a senhora deveria ter colocado apenas "Feliz", por que Felizberta?

~Ah! minha filhinha, falou a lagartixa mãe, a sua vovozinha, minha mãe, chamava-se Lisberta, então eu juntei Feliz + Berta,  o Feliz que eu desejo que você seja e o finalzinho do nome de mamãe e fiz o seu nome.

Felizberta caiu na gargalhada misturada com lágrimas,se lamuriando por causa do seu nome que ela dizia ser muito feio e não lhe agradar nem um tiquinho

A lagartixa era muito, muito, parecida com as folhas secas das árvores, sabendo disto, costumava fazer as suas aprontações depois corria e se escondia por entre as folhas para que ninguém lhe encontrasse.

Um dia felizberta amanhecera com uma fome terrível mas a sua mamãe não havia preparado o desjejum porque estava meio gripada e continuava de repouso no leito.

Ao invés de ir ver a sua mãezinha e saber se ela estava precisando de alguma coisa, ela resolveu furtar alguns petiscos na mesa do café da Dona Zizi.

Devagarinho lá se vai felizberta falando baixinho:
" vou pegar alguns petiscos bem saborosos da Dona Zizi, deitar debaixo da sua mesa e comer bem devagarinho, saboreando aquelas gostosuras..."

A lagartixa subiu na mesa,beliscou uns pedacinhos do bolo de fubá, saboreou umas bolachinhas de amido, quando se preparava para degustar  uns golinhos do leite morninho e cheiroso na xícara da Dona Zizi, felizberta levou um escorregão no pires de porcelana e PLAFT! caiu dentro da xícara.

- Aff! que horror! praguejou felizberta, enquanto se esforçava para pular fora da xícara antes que a boa velhinha chegasse e lhe esmagasse com umas boas vassouradas.

Pula daqui, escorrega dali, sacode um pouco...e...
- Até que enfim! gritou a lagartixa enquanto corria pela mesa molhando a toalha com o leite que escorria do seu corpo.

Por um triz, por pouco, muito pouco, a lagartixa conseguiu se esconder no alto da árvore do quintal da Dona Zizi, por entre as folhas, tiritando de medo de ser encontrada e alguém pudesse descobrir a sua peripécia.

Dona Zizi, tadinha, nem desconfiou que a sua mesa havia sido visitada pela lagartixa felizberta e que a sua xícara de leite havia sido, por alguns segundos, uma boa banheira, para ela.

Despreocupada, cantarolando, Dona Zizi sentou-se à mesa para tomar o seu café, viu a toalha ainda úmida do leite esparramado pela lagartixa, então falou:

_ É! Estou ficando uma velha muito distraída, como não vi que a toalha estava úmida e coloquei na mesa?!

Ali, na sua casinha humilde, na companhia do seu cãozinho pipo, a gatinha flor e o papagaio curucupaco, Dona Zizi, tomou o seu café, agradecendo a Deus pela companhia dos seus bichinhos de estimação, falando em voz alta:

= Obrigada meu Deus pelos meus amiguinhos que me fazem companhia, pelo meu alimento, pela minha casinha, e se for possível Senhor, manda uma lagartixinha vir morar aqui em casa, eu prometo que cuidarei dela com muito carinho.

Pipo, flor e curucupaco escutaram o pedido de Dona Ziza, olharam uns para os outros, piscaram os olhinhos e deram uma risadinha...

O que será que eles pensaram, por que sorriram e o que será que eles irão fazer??

Eu hein! 
Vamos aguardar...

*soninha*

beijinhos de luz...

23 de out de 2015

Orando a Papai do Céu!


beijinhos de luz!

Dia da Aviação e do Aviador no Brasil

Todos os anos, o Dia do Aviador é celebrado em 23 de outubro para lembrar o histórico voo realizado pelo brasileiro Santos Dumont com o seu 14-Bis. Há 109 anos, ele conseguia a fabulosa façanha de alçar pela primeira vez um avião a voo no Campo de Bagatelle, em Paris, capital francesa.

Já admirado por suas pesquisas e invenções, Santos Dumont conseguiu reunir milhares de pessoas e membros da imprensa internacional para aplaudirem o feito do brasileiro. Pela primeira vez, um homem ergueu-se do solo, com recursos de um aparelho mais pesado que o ar, realizando um vôo planado.

Na ocasião, voou por cerca de 60 metros a uma altura de 2 a 3 metros com o mítico 14-Bis. Uma controvérsia, no entanto, paira no meio da aviação: os norte-americanos irmãos Wright reclamam para si este feito, mas diferentemente de Santos Dumont o voo teria sido feito em uma fazenda, sem testemunhas.

Diante da importância da data, o Dia do Aviador foi oficializado com a publicação da Lei 218, de 4 de julho de 1936, aprovada pelo Congresso Nacional e sancionada pelo presidente Getúlio Vargas.

Após ser um dos homens mais populares da Europa no início do século XX, Santos Dumont morreu no Guarujá, em 23 de julho de 1932. No entanto, os seus feitos e a sua importância, sem dúvidas – e com o perdão do clichê -, são imortais.

O Galo e a Raposa


O galo cacarejava em cima de uma árvore. Vendo-o ali, a raposa tratou de bolar uma estratégia para que ele descesse e fosse o prato principal de seu almoço.

-Você já ficou sabendo da grande novidade, galo? – perguntou a raposa.

-Não. Que novidade é essa?

-Acaba de ser assinada uma proclamação de paz entre todos os bichos da terra, da água e do ar. De hoje em diante, ninguém persegue mais ninguém. No reino animal haverá apenas paz, harmonia e amor.

-Isso parece inacreditável! – comentou o galo.

-Vamos, desça da árvore que eu lhe darei mais detalhes sobre o assunto – disse a raposa.

O galo, que de bobo não tinha nada, desconfiou que tudo não passava de um estratagema da raposa. Então, fingiu estar vendo alguém se aproximando.

-Quem vem lá? Quem vem lá? – perguntou a raposa curiosa.

-Uma matilha de cães de caça – respondeu o galo.

-Bem...nesse caso é melhor eu me apressar – desculpou-se a raposa.

-O que é isso, raposa? Você está com medo? Se a tal proclamação está mesmo em vigor, não há nada a temer. Os cães de caça não vão atacá-la como costumava fazer.

-Talvez eles ainda não saibam da proclamação. Adeusinho!

E lá se foi a raposa, com toda a pressa, em busca de uma outra presa para o seu almoço.

Moral: 
É preciso ter cuidado com amizades repentinas.

*Esopo*

22 de out de 2015

Paraquedistas são muito corajosos!!


O paraquedismo, ao contrário do que muitas pessoas pensam, não é um esporte criado há pouco tempo. Na verdade ele vem do eterno sonho do ser humano, destinado a viver no chão, o sonho de VOAR! Voar livremente utilizando somente seu próprio corpo, assim como fazem os pássaros!

O sonho tem início registrado ainda na mitologia, que mostra DEDALO e seu filho ÍCARO na busca de alçar vôo com asas de penas de pássaro ligadas por cera.

Em 1306, aparecem registros de acrobatas chineses que se atiravam de muralhas e torres empunhando um dispositivo semelhante a um grande guarda-chuva que amortecia a chegada ao solo.

Em 1495, LEONARDO DA VINCI escreveria em suas notas: "Se um homem dispuser de uma peça de pano impermeabilizado, tendo seus poros bem tapados com massa de amido e que tenha dez braças de lado, pode atirar-se de qualquer altura, sem danos para si". DA VINCI é considerado também o precursor como projetista de um pára-quedas.

Em 1617, o italiano FAUSTO VERANZIO salta com um "paraquedas" da torre da catedral de Veneza, aterrando ileso diante dos espectadores.

Em 1783, SEBASTIAN LENORMAND constrói e patenteia um paraquedas com que repetidamente executa saltos.

Em 1785, JEAN PIERRE BLANCHARD constrói e salta com um paraquedas feito de seda, sem a armação fixa que ate então era utilizada para manter o velame aberto.

Em 1797, ANDRE-JACQUES GARNERIN, em Paris, salta de um balão a uma altura aproximada de 2000 pés. GARNERIN prossegue saltando regularmente e a ele a história deu a honra de ser considerado o PRIMEIRO PARAQUEDISTA DO MUNDO. Em 1802, em Londres, GARNERIN salta a 8000 pés, um recorde para a época.

Em 1808, pela primeira vez o paraquedas foi usado como salva-vidas quando o polonês KUPARENKO o utiliza para saltar de um balão em chamas.

Em 1837, acontece o primeiro acidente fatal com um paraquedista, quando ROBERT COCKING falece em razão do impacto contra o solo. COCKING saltava com um paraquedas com o desenho de um cone invertido que se mostrou inadequado, não resistiu à pressão e fechou.


Em 1887, o Capitão americano THOMAS BALDWIN inventa o equipamento que se ajusta ao corpo do paraquedista, substituindo os cestos até então utilizados. Este invento foi um novo e importante passo para o desenvolvimento do paraquedismo.

Em 1901, CHARLES BROADWICK inventa o paraquedas dorsal, fechado dentro de um invólucro, como os que hoje são utilizados pelos pilotos de aviões militares. O sistema de abertura do paraquedas era um cabo amarrado ao balão.

Em 1911, GRANT NORTON realiza o primeiro salto utilizando um avião. NORTON decolou levando o paraquedas nos braços e na hora do salto arremessou-o para fora sendo por ele extraído da aeronave.

Em 1919, LESLIE IRVIN executa o primeiro salto livre, abrindo o paraquedas, por ação muscular voluntária durante a queda livre.

Em 1930, os russos organizam o primeiro Festival Desportivo de Paraquedismo.

Em 1941, o exército alemão emprega o paraquedas como equipamento de guerra, lançando pára-quedistas militares para conquistar a Ilha de Creta.

Dai em diante o pára-quedismo se desenvolve numa velocidade vertiginosa, seja quanto aos equipamentos, técnicas de salto e tipos de competição.


21 de out de 2015

Delícia!!



A maçã ajuda a controlar certas doenças como diabetes, melhora a digestão, contribuindo para um melhor aproveitamento dos nutrientes e é indicada para quem deseja emagrecer, porque é rica em fibras e tem poucas calorias.

Além disso a maçã é rica em antioxidantes, água e vitaminas, e por isso a maçã tem os seguintes benefícios para saúde:

Diminuição do colesterol ruim

Controle da diabetes porque tem baixo índice glicêmico;

Ajuda a emagrecer porque tem poucas calorias e tem água e fibras que diminuem o apetite;

Melhora a prisão de ventre porque as fibras solúveis desintoxicam o aparelho digestivo;

Aliviar as dores de gastrite e cicatrizar úlceras gástricas pois as fibras formam um gel que protege a mucosa do estômago.

Uma forma fácil de consumir esta fruta é comer a maçã na sua forma natural, adicionar a maçã na salada de frutas ou fazer um suco. 

19 de out de 2015

Noite do Pijama


Pedro e João eram amigões da escola! Eles adoravam brincar juntos, jogar bola, correr, colorir desenhos e conversar. Um dia Pedro convidou João para dormir na sua casa depois da aula, pois ele iria fazer uma noite do pijama.

João achou a ideia do amigo fantástica e pensou: - Nossa!! Como a família do Pedro é legal! Deixam ele fazer noite do pijama em casa! 

Embora nunca tivesse participado de uma noite assim, João chegou em casa muito empolgado depois da aula e perguntou aos seus pais se poderia ir dormir na casa do colega no dia seguinte. Como foi autorizado, correu arrumar sua mochila e, feliz que estava com a novidade, ficou fazendo muitos planos.

Chegou o momento de ir pra casa do amiguinho. A mãe de Pedro levou os meninos pra casa depois da aula e, sem demora, os dois foram brincar no quintal, onde se divertiram muito. 

Depois jogaram bola, brincaram de se esconder e a todo o momento João pensava que a casa de Pedro era muito mais divertida que a sua, os brinquedos do colega pareciam muito mais legais do que os seus! Achou até que os pais do amigo eram mais bonzinhos que os seus: 

- Acho que eu vou querer ficar aqui nessa casa pra sempre! - pensou.

Após muito se divertirem, tomaram banho, jantaram e chegou a hora de ir pra cama.

O papai de Pedro montou um acampamento no quarto para os meninos dormirem. Logo que deitaram, Pedro pegou no sono, estava cansado. João achou estranho deitar sem a mamãe lhe dar um beijo de boa noite e fazer uma prece com ele. Também sentiu falta de ouvir uma histórinha, o que sempre acontecia na sua casa. Logo começou a se revirar no colchão, e sem conseguir pegar no sono, ficou lembrando de sua caminha, de sua maninha Gabi, que às vezes lhe incomodava nas brincadeiras, mas agora lhe fazia falta! Estava com saudade da sua casa e sua família! 

João começou a chorar baixinho. Passou um tempo, e a mamãe de Pedro o ouviu e veio até o quarto.

- O que houve querido? Por que está chorando? - perguntou a mãe de Pedro.

- É que eu achei que aqui era a melhor casa do mundo, mas agora eu vi que eu gosto mais da minha casa e não estou conseguindo dormir aqui!

Então a mãe de Pedro explicou amorosamente para o menino:

- Claro João, você tem razão, o melhor lugar pra gente estar é na nossa casa com a nossa família. A família que Deus nos deu de presente! Você só vai ficar uma noite aqui e amanhã voltará pra sua casa. Eu ficarei aqui até você pegar nos sono, não se preocupe! É normal estranhar quando estamos longe de casa.

João ficou mais aliviado e confiante. Logo conseguiu dormir, pensando que aprendeu a importante lição de que nenhuma casa ou família é melhor ou pior que a outra, elas são apenas diferentes!

Carina Fiorim Comerlato

beijinhos de luz...

Dos animais...pense nisto!!


Se você tem um animal de estimação lembre-se que ele possui sentimentos da mesma maneira que você ...

ele sente dor

fica triste

sente saudade

frio

solidão

calor

fome

sede

e precisa de você tanto quanto você precisa dos seus pais...

Não o deixe sozinho em casa por muito tempo...

Leve-o ao veterinário, regularmente, cuide da sua saúde!

Não viaje deixando-o sozinho em casa aos cuidados de pessoas estranhas ou mesmo sozinho...sozinho...isso é terrível para ele.

Quando ele estiver velhinho não o passe adiante como se fosse um objeto descartável que não lhe interessa mais pois é neste momento que ele mais precisa de amor, carinho e atenção.

Pense nisto!!

*soninha*

beijinhos de luz

12 de out de 2015

Dia do Mar


Oi galerinha!

O dia hoje está uma beleza, bem recheadinho de comemorações e, para finalizar, hoje também é um dia lindo, o Dia do Mar!

As crianças adoram ir à praia tomar banho naquela água morninha e salgadinha do mar.

Elas fazer castelos na areia, carregam água do mar para molhar a areia, nos seus baldinhos coloridos e amam as guloseimas que a mamãe leva para elas lancharem.

Tudo isso é muito bom mas os adultos precisam estar atentos aos cuidados que devem ter com as crianças  a fim de que não se percam, não peguem sol demais e adoeçam, não comam coisas estragadas e não se afoguem.

O mar é lindo sim, é útil e é mágico mas é grandãããããoooo 
e a criança é pequenininha...portanto, cuidado!!

Deus abençoe todos os mares do mundo!!

*soninha*
beijinhos de luz!

Ler é Sonhar!


Neste Dia da Leitura
plante a sua sementinha,
dê um livro de presente
para uma criancinha.

Se ela não souber ler
por ser pequenininha,
você vai lhe encantar
lendo uma historinha.

Leia com entusiasmo
com amor e emoção,
seja então os personagens
a encantar o seu coração.

Rapunzel e Cinderela
as sereias que há no mar,
Tio Patinhas e a Minie
e as que mais você criar.

Use a imaginação
e leve a criança a sonhar
com a vida cheia de livros, 
histórias para encantar.

O livro que é pura magia
que foi feito para encantar,
vai levá-la pra outro mundo
puros céus...doce sonhar!!

 Lendo suas historinhas
ela então irá pensar
que está numa nuvenzinha
pelo céu a passear!

*soninha*

Faça uma criança mais feliz, dê um livro de historinhas ou leia para ela!!

beijinhos de luz!!



Dia Nacional da Leitura


O calendário brasileiro passou a contar com a comemoração do Dia Nacional da Leitura e da Semana Nacional da Leitura, no dia 12 de outubro, de acordo com a Lei 11.899/09. O autor do projeto que deu origem à lei, senador Cristovam Buarque (PDT-DF), afirmou que a iniciativa estimulará a convivência da sociedade com a produção literária do país.

Além de marcar a festividade já consagrada do Dia da Criança, esse dia abrigará, também, o Dia Nacional da Leitura e a Semana da Leitura, com a intenção de enfatizar junto à sociedade brasileira a importância do cultivo do amor aos livros desde a infância – defendeu o senador.

Vamos ler crianças!! 
E que os adultos também o façam, servindo de exemplo e estimulo para todas as crianças. 

Ao invés de smartphone, tablet e games, coloque LIVROS nãos mãos das crianças!!



beijinhos de paz!!

Docinho de Arroz


Ingredientes

2 xícaras (chá) de arroz cozido sem tempero
1 xícara (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de margarina
1 xícara (chá) de leite em pó
1 xícara (chá) de coco ralado

Para decorar
O suficiente de coco ralado

Modo de preparo

- Liquidifique o arroz cozido, usando a função pulsar, até formar uma pasta granulada. 

- Coloque em uma panela com os demais ingredientes e cozinhe até desprender do fundo da panela. 

- Deixe esfriar e faça bolinhas. 

- Passe no coco ralado e coloque em forminhas. 

- Dica: O arroz ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue, sendo, portanto, fonte de energia. 

Essa é uma receita de docinho com baixo custo e baixo valor calórico quando comparado ao docinho comum.

Atenção: 
Crianças e adultos diabéticos não devem se exceder, pelo alto teor calórico em carbohidratos!

Dia da Criança


Beijinhos de luz para todos...

Curtam bem que o dia hoje é de vocês crianças!!

*soninha*

11 de out de 2015

Vamos orar a Papai do Céu!


beijinhos de luz!

Pão de Mel Levinho


Ingredientes

3 ovos
2 col. (sopa) de mel
2 col. (sopa) de margarina light
3/4 de xic. (chá) de farinha de trigo
2 col. (sopa) de maisena
1 col. (sobremesa) de adoçante culinário
2 col. (sopa) de achocolatado diet
1 col. (sopa) de cacau em pó
1 col. (café) de canela em pó
1 pitada de noz-moscada
Gotas de essência de baunilha
1 col. (sopa) de fermento em pó

Recheio e Cobertura

3 col. (sopa) de doce de leite diet
2 col. (sopa) de leite desnatado
250 g de chocolate ao leite diet para cobertura picado

Modo de Fazer

- Em uma vasilha, coloque os ovos, o mel e a margarina. 
- Bata com um batedor de arame até que fique uma mistura homogênea. 
- Adicione o restante dos ingredientes delicadamente, deixando o fermento por último. 
- Coloque a massa em uma assadeira pequena untada e asse em forno preaquecido a 180ºC por 20 minutos (a massa não pode ficar ressecada). 

- Deixe amornar e desenforme.

- Para o recheio: corte o bolo em duas partes e espalhe o doce de leite bem misturado com o leite.

- Para a cobertura: coloque o chocolate em uma panela pequena e derreta em banho-maria. Bata com uma espátula de silicone até esfriar. 

- Cubra o bolo e leve à geladeira por 15 minutos. 

- Corte em quadradinhos.

Dia do Deficiente Físico



Hoje é o Dia do Deficiente Físico. 

Todas as pessoas portadoras de alguma deficiência física devem ser respeitadas porque são seres humanos e merecem todo o nosso amor e carinho. 

Não deboche nem fale mal de quem possui deficiência, apenas ame e ajude e você estará sendo agradável a esta pessoa, seu familiares e amigos e a Deus que nos criou para sermos irmãos e bons uns para com os outros.

beijinhos de luz...


4 de out de 2015

São Francisco de Assis o protetor dos animais!


São Francisco de Assis amava e respeitava a Natureza e tudo que nela há!

Conversava com a água, o vento, os vegetais e os animais. Amava-os e respeitava-os de tal maneira que mesmo os mais ferozes atendiam ao chamado do seu amor e se rendiam a ele.

Que este bondoso santo inspire a todos nós como agirmos com os nossos irmãos animais e toque a alma daqueles que os maltratam a fim de que se transformem em instrumentos de paz e amor.

Proteja os nossos animais ó glorioso santo, principalmente os mais frágeis e indefesos!!

*soninha*

beijinhos de luz...

A Andorinha


A andorinha, com gritos de alegria, voltou para seu antigo ninho.

Primeiro limpou-o e arrumou-o, e em seguida pôs ovos. Depois chocou-os. 
Finalmente, quando os filhotes nasceram, começou a voar para um lado e para outro, 
indo e vindo do ninho, a fim de alimentar sua grande família.

Seu companheiro, em contrapartida, voava o tempo todo. 
Voava enquanto a andorinha arrumava a casa, enquanto os ovos estavam sendo chocados, e continuou voando todos os dias, de manhã à noite, sem um instante de repouso.

– Por que é que você está sempre voando?
 – perguntaram-lhe um dia.

– Porque não gosto de trabalhar
 – foi a resposta.

Leonardo da Vinci

Declaração Universal dos Direitos dos Animais


Além de ser um DEVER  MORAL nosso, respeitar os animais, eles também possuem os seus "direitos" protegidos por LEI, você sabia?

Conheça-os!

Proclamada pela UNESCO em sessão realizada em Bruxelas em 27 de janeiro de 1978. 

- Considerando que cada animal tem direitos;

- Considerando que o desconhecimento e o desprezo destes direitos levaram e continuam levando o homem a cometer crimes contra a natureza e contra os animais;

- Considerando que o reconhecimento por parte da espécie humana do direito à existência das outras espécies animais, constitui o fundamento da coexistência das espécies no mundo;

- Considerando que genocídios são perpetrados pelo homem e que outros ainda podem ocorrer;

- Considerando que o respeito pelos animais por parte do homem está ligado ao respeito dos homens entre si;

- Considerando que a educação deve ensinar à infância a observar, compreender e respeitar os animais,

PROCLAMA-SE:

Art. 1º -

Todos os animais nascem iguais diante da vida e tem o direito a existência.

Art. 2º -

a) Cada animal tem o direito ao respeito.

b) O homem, enquanto espécie animal, não pode atribuir-se o direito de exterminar os outros animais ou explorá-los, violando este direito. Ele tem o dever de colocar a sua consciência a serviço dos outros animais.

c) Cada animal tem o direito à consideração, à cura e à proteção do homem.

Art. 3º -

a) Nenhum animal deverá ser submetido a maltrato e a atos cruéis.

b) Se a morte de um animal é necessária, deve ser instantânea, sem dor nem angústia.

Art. 4º -

a) Cada animal que pertence à uma espécie selvagem, tem o direito de viver livre no seu ambiente natural terrestre, aéreo ou aquático e tem o direito de reproduzir-se.

b) A privação da liberdade, ainda que para fins educativos, é contrária a este direito.

Art. 5º -

a) Cada animal pertence à uma espécie, que vive habitualmente no ambiente do homem, tem o direito de viver e crescer segundo o ritmo e as condições de vida e de liberdade, que são próprias da sua espécie.

b) Toda modificação deste ritmo e destas condições impostas pelo homem para fins mercantis é contrária a este direito.

Art. 6º -

a) Cada animal que o homem escolher para companheiro tem o direito a uma duração de vida, conforme sua natural longevidade.

b) O abandono de um animal é um ato cruel e degradante.

Art. 7º -

Cada animal que trabalha tem o direito a uma razoável limitação do tempo e intensidade do trabalho, a uma alimentação adequada e repouso.

Art. 8º -

a) A experimentação animal, que implica em um sofrimento físico e psíquico, é incompatível com os direitos do animal, quer seja uma experiência médica, científica, comercial ou qualquer outra.

b) As técnicas substitutivas devem ser utilizadas e desenvolvidas.

Art. 9º -

No caso do animal ser criado para servir de alimentação, deve ser nutrido, alojado, transportado e morto sem que para ele resulte ansiedade ou dor.

Art. 10 -

a) Nenhum animal deve ser usado para divertimento do homem.

b) A exibição dos animais e os espetáculos, que utilizam animais são incompatíveis com a dignidade do animal.

Art. 11 -

O ato que leva à morte de um animal sem necessidade, é um biocídio, ou seja, um delito contra a vida.

Art. 12 -

a) Cada ato que leva à morte de um grande número de animais selvagens, é um genocídio, ou seja, um delito contra a espécie.

b) O aniquilamento e a destruição do ambiente natural levam ao genocídio.

Art. 13 -

a) O animal morto dever ser tratado com respeito.

b) As cenas de violência de que os animais são vítimas, devem ser proibidas no cinema e na televisão, a menos que tenham como fim mostrar um atentado aos direitos do animal.

Art. 14 -

a) As associações de proteção e de salvaguarda dos animais devem ser representadas a nível de governo.

b) Os direitos do animal devem ser definidos por leis, com os direitos do homem

Dia Mundial dos Animais


Hoje é um dia para refletirmos sobre estas criaturas lindas que habitam entre nós, que foram criadas pelo mesmo Deus que nos criou e que nem sempre são respeitados e valorizados como merecem e precisam.

Os animais não surgiram por acaso no Universo e nem foram criados pelo ser humano.

A mesma força criadora que criou o ser humano, que eu chamo de Deus, esta mesma força criou os animais e tudo que existe no Universo.

Então, se nós nos amamos e nos respeitamos, uns aos outros, por que não amar e respeitar os animais da mesma maneira?

Existem pessoas que odeiam os animais, inflige maus tratos aos mesmos, abandona quando estão velhos e doentes e até matam!!

Isto tudo é um absurdo!!

Ensinem as crianças a respeitarem os animais e assim se tornarão adultos mais conscientes e responsáveis pela obra de Deus.

Animais são seres lindos e estão no planeta com a mesma finalidade nossa: EVOLUÇÃO!

Se você não gosta de animais pelo menos os respeite não maltratando-os pois eles não merecem tratamentos cruéis e desumanos.

Deus abençoe e proteja todos os animais!!

*soninha*

beijinhos de luz!!

3 de out de 2015

Denguinho o gatinho amoroso!


Era uma vez, uma menininha, a Aninha, que gostava tanto dos animais que ela não podia ver um animalzinho de rua pois logo queria levar pra sua casa e adotar.

Dona Rosália e o senhor Carlos estavam muito preocupados com a filhinha porque na casa já havia tantos animais...e agora ter que abrigar outro animalzinho??

Naquela manhã quando estavam à mesa tomando o café matinal a menininha falou com a voz bem manhosa:
- Mamãe! ô mãezinha...lá no pátio da minha escola todos os dias aparece um gatinho lindo! 
Ele é amarelinho com manchinhas brancas e é tão bonitinho, mamãe!

Hãhãhãhã...resmungou dona Rosália perguntando à filha:
_ O que você está querendo com essa conversa Aninha?

- Ó mamãe, mamãezinha, eu queria tanto trazer o gatinho pra mim.
 Eu até já escolhi um nome pra ele...

_ É mesmo filhinha, e qual é ?

- Denguinho! 
Não é um nome lindo mamãe? 
E combina tanto com ele!

_ É filhinha, é um nome lindo, mas nossa casa já está tão cheia de bichinhos... 
Você sabe quantos nós já temos?

- Sei mamãezinha! 
Nós só temos oito cachorrinhos, seis gatinhos, sete tartaruguinhas, nove papagaios, quatro hamsters, cinco Calopsitas ...só mamãe...
É só mais um gatinho que nem vai ocupar tanto espaço!!

O pai da menina, senhor Carlos que estava tomando o seu café e escutando a conversa da esposa e sua filha, falou:

= Bem, vocês duas adiantem com este café senão você Aninha vai chegar atrasada para a sua aula e você Rosália não vai conseguir fazer a nossa filha mudar de ideia.

- Então você deixa né papai? 
Você deixa...você deixa...você deixa...
Gritava Aninha enquanto abraçava e sufocava o pai com muitos e muitos beijos.

= Éééé´...deixo sim Aninha mas eu penso que vamos ter que colocar uma placa na porta da nossa casa.

- Qual placa papai? 

= Uma placa bem grande :
*JARDIM ZOOLÓGICO*

- Nem tanto papai, nem tanto!! 
Falta um urso, um leão, uma girafa, um macaco...um crocodilo...

*hahahhahahahahahahahahahahahahaha*
Caíram todos os três na gargalhada e saíram abraçados...

Ao meio-dia Aninha voltou da escola muito feliz com o seu mais novo animalzinho:
Denguinho, o gatinho mais amoroso da Terra.

"Amar e cuidar dos animais, principalmente os animais abandonados, demonstra ser dono de um bom coração e isto é muito agradável a Papai do Céu!"

*soninha*

beijinhos de luz!

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!