Estamos de volta!!

Estamos de volta!!
O Inverno Chegou...

30 de ago de 2010

** O SAPINHO CURURU E A ABELHINHA JOJÓ **


 
Vivia o sapinho cururu numa bela lagoa rodeada por lindas árvores cujas flores coloridas perfumavam o ar e espalhavam pétalas macias que davam o aspecto de um lindo tapete de veludo estendido no chão.

Cururu refrescava-se mergulhando nas águas límpidas e frias da lagoa enquanto esticava a sua enorme língua para capturar alguns insetos que por alí passavam. De repente surge um inseto voando rápido,pertinho dele e,mais rápido ainda ele esticou a língua na tentativa de capturá-lo,quando escutou uma vozinha falando-lhe:



- Se olha cururu, não vê que não sou comida pra o teu papo?! Eu sou jojó a abelhinha mais importante desta  região pois sei fabricar um mel que cura asma e muitas outras doenças. 





Cururu olhou-a sério e disse-lhe:

- Ora jojó, deixa de bobagens pois todos nós somos importantes na Natureza. Você fabrica o mel,eu como insetos que pertubam os humanos e transmitem doenças, as cobras fornecem o veneno que fabrica o soro para combater o seu próprio veneno, o escorpião também, e assim todos somos úteis.




Jojó,meio encabulada com aquela resposta que não esperava,retrucou:




- Pode ser...pode ser...mas você não fabrica o mel precioso que eu fabrico,então eu sou mais importante do que você.

Jojó calou-se fazendo um ar de vaidade e não percebeu que uma forte ventania estava se aproximando enquanto ela ía de flor em flor colhendo o néctar para fabricar o mel,quando foi surpreendida pelo vento que a arrastou com violência jogando-a dentro das águas da lagoa. A abelhinha com medo de morrer gritava:

- Socorro sapinho, socorro! Salve-me, pelo amor de Deus!




Cururu que se encontrava bem firme sobre um cogumelo respondeu-lhe:




- Só lhe salvo porque você pediu pelo amor de Deus; se não fosse por isto eu deixaria você afogar esta sua vaidade junto com você no fundo da lagoa. Mas,como eu amo e respeito Deus ,vou lhe salvar.Dito isto o sapinho mergulhou na lagoa rapidinho e trouxe a abelhinha presa às suas costas colocando-a com todo cuidado sobre a relva macia onde ela se recuperou do susto.

Quando o sapinho percebeu que a jojó estava bem,perguntou-lhe:

- Então amiga, ainda se acha melhor do que eu só porque você fabrica o mel precioso e eu não?

Envergonhada com a sua atitude ela respondeu-lhe:



- Desculpe-me cururu,por favor me desculpe.eu fui uma boba este tempo todo imaginando ser muito importante por causa do mel que fabrico.Você me fez entender que nós nos completamos na Naureza e que cada um de nós tem o seu importante papel,não é mesmo?

- É isso mesmo! falou o sapinho,acrescentando: quando Deus nos criou Ele deu a cada um de nós uma tarefa a ser realizada aqui no mundo e todas são importantes.Alguns acham que a sua é maior,melhor e mais importante do que a do outro apenas porque não prestam àtenção como tudo se liga no Universo. Bom que  você entendeu, agora você vai ensinando aos outros está bem assim?




- Claro amigo,claro! Vou fazer isto mesmo por aí afora com todos que eu encontrar e sempre que tiver oportunidade. Agora eu me vou com a promessa de que voltarei para lhe visitar mais vezes,posso vir? perguntou jojó meio desconfiada.



- Venha mesmo amiga,ficarei muito contente com a sua visita, e se puder me traga um pouco do seu delicioso mel, disse o sapinho com um sorriso largo .

- Ué,e você come mel?! Eu não sabia!! falou jojó,surpresa...

- Não é pra mim não minha amiga, é pra o meu amigo urso "bimbim", ele adora mel! disse curruru enquanto saía saltitando de pedra em pedra,acenando adeuzinhos para jojó.

Cururu saltitava e jojó retornava para a sua colmeia.

Jojó aprendeu a grande lição do valor do trabalho de cada um e o respeito pelo mesmo e nunca mais ela se comportou com tanta vaidade.

Trabalhando: O VALOR DO TRABALHO, A HUMILDADE, A VAIDADE E O ORGULHO


bjs,soninha
Postar um comentário

Não dê armas às crianças!!

Não dê armas às crianças!!